top of page
  • Foto do escritorNE45

Sport bate o Petrolina em 1ª rodada do PE24

O Sport começou o Campeonato Pernambucano da mesma forma como terminou o de 2023: com vitória. Na Arena de Pernambuco, o Leão bateu o Petrolina por 1 x 0, em partida que marcou a estreia oficial do técnico Mariano Soso como comandante do Rubro-negro. O tento da vitória foi assinalado por Zé Roberto, de pênalti.



Mariano Soso mandou a campo uma equipe com três zagueiros, mas optou por tirar um defensor no intervalo e colocar um atacante. A mudança surtiu efeito e o Rubro-negro se mostrou mais incisivo, confirmando o favoritismo e os três pontos.


O Leão volta a campo na quarta-feira (17), ante o Retrô, às 19h, novamente na Arena de Pernambuco – mas desta vez como mandante. No mesmo dia, mas de 15h, o Petrolina visita o Maguary.


O jogo entre Petrolina e Sport


O primeiro tempo, como esperado, foi de maior posse de bola para o Sport, que criou as melhores chances. Na mais perigosa, o volante Fabinho finalizou no travessão e, no rebote, a zaga do Petrolina tirou no limite. Os jogadores do Leão pediram gol, alegando que a bola já havia ultrapassado a linha. Contudo, não há VAR para checagem.


O Petrolina, por sua vez, se defendeu na maior parte do tempo, mas ainda assim levou perigo em uma cabeçada de Emerson Galego, que obrigou o goleiro Caíque França a fazer uma boa defesa. Assim, etapa inicial terminou empatada.


O segundo tempo começou movimentado, com oportunidades para ambos os lados. O Petrolina, diga-se, acertou o travessão em boa finalização de João de Deus, levando perigo ao Rubro-negro, que também criou chances e voltou mais incisivo após as alterações de Mariano Soso.


O Leão seguiu melhor e abriu o placar aos 11 minutos da etapa final. Após jogada individual, Romarinho foi derrubado e a arbitragem assinalou pênalti. Na cobrança, Zé Roberto marcou o primeiro dele e do Sport na temporada. Em vantagem, o Rubro-negro continuava criando chances, mas pecava na hora de definir. O Petrolina, por sua vez, desperdiçou boa chance com Acauã, que parou em Caíque França.


Assim, embora o Rubro-negro ainda tenha criado chances, não conseguiu ampliar o marcador. Contudo, larga com três pontos, enquanto o Petrolina tem zero.


FICHA DO JOGO


SPORT 1

Caíque França; Alisson Cassiano (Paulinho), Rafael Thyere e Renzo (Luciano Castán); Lucas Ramon, Fabinho, Ítalo (Fábio Matheus), Alan Ruiz (Lucas André) e Felipinho; Romarinho (Pablo Dyego) e Zé Roberto. Técnico: Mariano Soso


PETROLINA 0

Cris; Vinicinho, Maílson, Raykar e Igor Tavares (Matheus Alex); Kiko (Santos), Elias Ceará (Brendon) e Eduardo (Fabiano); Nildo, Emerson Galego e João de Deus. Técnico: William Lima


Local: Aflitos, no Recife (PE)

Árbitro: Deborah Cecília (Fifa)

Assistentes: Clóvis Amaral e Manoel Barbosa


Público: 5.083,00

Renda: R$ 164.935,00

Gol: Zé Roberto (11’2T) (SPO)

Cartão amarelo: Brendon (PET)

Commentaires

Noté 0 étoile sur 5.
Pas encore de note

Ajouter une note
Infográfico preto moderno e tecnológico para relatório de marketing digital_edited.jpg
bottom of page