top of page
  • Foto do escritorNE45

Náutico vence Retrô nos Aflitos e fica em vantagem na semifinal do Pernambucano


Gol da vitória alvirrubra foi marcado por Patrick Allan


O Náutico ficou em vantagem na semifinal do Campeonato Pernambucano. O Timbu foi mais eficiente, sobretudo no segundo tempo, e venceu o Retrô por 1 x 0, nos Aflitos, na tarde deste domingo (10). O gol foi marcado por Patrick Allan, no início da etapa complementar, após um vacilo da defesa da Fênix.


Com a vitória, o Timbu jogará pelo empate no duelo da volta, no próximo domingo (17), às 16h, na Arena de Pernambuco. Já o time de Camaragibe precisará vencer por um gol de diferença para levar a decisão para os pênaltis ou a partir de dois para avançar direto para a final.


Equilíbrio e poucas chances de gol

A partida foi movimentada no primeiro tempo, mas com dificuldade de criação para as duas equipes. O destaque para os 45 minutos iniciais fica para a quantidade de cartões amarelos. Foram seis, três para cada lado.

A partir dos 30 minutos, as equipes chegaram com mais perigo. Patrick Allan cobrou uma falta na área e Evandro cabeceou para fora. O Retrô respondeu com Fernandinho, que recebeu de Radsley, mas pegou mal na bola e chutou por cima.


Já nos acréscimos, o Timbu teve duas chances para abrir o placar. Diego Matos arriscou e o goleiro Paulo Ricardo espalmou. Na sequência, Arnaldo recebeu na direita e cruzou. Porém, Evandro outra vez cabeceou mal e para fora. Com o 0 x 0 no placar, o Náutico desceu para o vestiário sob vaias. 




Náutico marca com Patrick Allan e vence

O Timbu chegou ao gol logo na volta do intervalo e com uma contribuição da defesa do Retrô. Arnaldo levantou na área, Jean foi cortar e deu um passe para Patrick Allan. O meia alvirrubro recebeu e chutou firme nas redes para fazer 1 x 0.



O Retrô chegou a balançar as redes aos 12 minutos com Alencar. Mas Giva, no início da jogada, estava impedido. A Fênix ficou mais com a posse de bola e o Náutico se fechou. Por isso, Allan Aal mudou todo o ataque para ter mais velocidade nos contra-ataques.


A estratégia alvirrubra foi mais eficiente e por pouco o Timbu não ampliou a vantagem. Kauan Maranhão recebeu na área e chutou no canto para uma boa defesa de Paulo Ricardo. Na reta final, a Fênix tentou pressionar. Contudo, não teve efetividade e a vitória alvirrubra foi confirmada.


Ficha do jogo

Náutico 1

Vagner; Arnaldo (Danilo Belão), Guilherme Matos, Rafael Vaz e Diego Matos; Lorran (Marcos Júnior), Marco Antônio e Patrick Allan; Thalissinho (Luiz Paulo), Ray Vanegas (Fernandinho) e Evandro (Kauan Maranhão). Técnico: Allan Aal.


Retrô 0

Paulo Ricardo; Jean Raphael, Dankler, Guilherme Paraíba e Edson Lucas; Alencar (Richard Franco), Moisés Ribeiro e Radsley; Luisinho (Tailson), Giva (Mascote) e Fernandinho. Técnico: Roberto Fernandes.


Local: Estádio dos Aflitos, no Recife (PE).

Árbitro: Paulo Belence.}

Assistentes: José Romão e Francisco Chaves.

Gols: Patrick Allan, aos 50 segundos do 2ºT (NÁU);

Cartões amarelos: Lorran, Marco Antônio e Ray Vanegas (Náutico); Jean Raphael, Alencar e Edson Lucas (Retrô).

Público: 14.166

Renda: R$ 289.020,00

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
Infográfico preto moderno e tecnológico para relatório de marketing digital_edited.jpg
bottom of page