top of page
  • Foto do escritorNE45

Náutico derruba tabu contra o Sport e vence o segundo clássico no Estadual

O gol Alvirrubro foi marcado no segundo tempo, após falha Rubro-negra no meio de campo


Deu Náutico no primeiro Clássico dos Clássicos da temporada. Em duelo realizado na noite deste sábado (24), nos Aflitos, o Timba venceu o Sport por 1 x 0, pela última rodada do Campeonato Pernambucano. O gol Alvirrubro foi marcado por Patrick Allan.


O resultado Alvirrubro sobre o Leão também serviu para quebrar um tabu de nove partidas sem vitórias. A última tinha acontecido em 2020, pela Copa do Nordeste. Os gols na ocasião foram marcados por Ronaldo Alves e Jean Carlos.


A vitória garantiu o Náutico no terceiro lugar, além do mando de campo nas quartas de final, contra o Afogados. Caso confirme o favoritismo, o Náutico terá pela frente o Retrô, na semi. O Leão, que tinha a liderança garantida, vai aguardar o vencedor de Santa Cruz e Central.




Próximos jogos

O timba entra em campo novamente na próxima terça-feira (5), diante do River-PI, às 19h, no Estádio dos Aflitos, pela Copa do Nordeste. O Leão da Ilha, por outro lado, entra em campo na quarta-feira (6), diante do Trem, às 21h30, pela Copa do Brasil.


Náutico x Sport – Resumo da partida


Mesmo atuando fora de casa, e com o time repleto de reservas, o Sport se lançou ao ataque logo nos primeiros minutos de jogos. O volante Fábio Matheus acertou um lindo lançamento para Arthur Caíke, que entrou na área e finalizou pra fora.


Aos 14 minutos, o timba acordou na partida. Patrick Allan recebeu na intermediária e finalizou forte. A bola desviou na defesa rubro-negra e levou perigo à meta do goleiro Thiago Couto. Um minuto depois, Júlio César, de fora da área, soltou o pé. Thiago Couto defendeu com segurança.


Após cruzamento na área, Paulo Sérgio tentou de bicicleta dentro da área Rubro-negra. A bola pegou no peito de Renzo. Atacante alvirrubro pediu pênalti, mas o árbitro mandou o jogo seguir. O lance aconteceu aos 17 minutos.


O Náutico voltou à assustar aos 33 minutos. Depois do escanteio cobrado por Patrick Allan, Joécio subiu muito alto que a defesa do Sport. Sem equilíbrio, a bola acabou saindo, sem grandes perigos para o goleiro Thiago Couto.


O Leão respondeu um minuto depois. Após cruzamento de Lucas Ramon , Arthur Caíke subiu de cabeça e testou com perigo. A bola passou à direita da trave de Vagner. Dois minutos depois, Fábio Matheus fez boa jogada individual e rolou para Ítalo. A finalização tirou tinta da trave.



Segundo tempo

Na volta do intervalo, o Náutico começou melhor. Com mais posse de bola, o timba chegou aos oito minutos. Paulo Sérgio recebeu bom passe de Júlio César, girou para cima da defesa Rubro-negra e finalizou rasteiro. A bola tirou tinta da meta de Thiago Couto.


Aos 12 minutos, o time alvirrubro abriu o placar. Patrick Allan recebeu com liberdade na entrada da área rubro-negra, ajeitou e marcou um golaço nos Aflitos. A bola ainda desviou em Alisson Cassiano antes de entrar no ângulo.


Atrás do placar, o Leão da Ilha voltou à chegar aos 18 minutos. Acionado no lugar de Arthur Caíke, Lucas Lima entrou bem e mandou um ótimo passe para Pedro Vilhena, que tentou encobrir Vagner. O goleiro alvirrubro realizou uma ótima defesa.


O Náutico seguia melhor na partida, tendo mais a posse de bola, e criando boas chances. Aos 33 minutos, Diego Matos chutou cruzado. O atacante Paulo Sérgio tentou desviar de cabeça, mas a bola acabou saindo com perigo.


Aos 36 minutos, o Sport voltou à chegar com perigo. Após ótima jogada individual de Romarinho, o goleiro Vagner realizou uma boa defesa no chute. No rebote, Felipinho emendou de primeira, mas a bola acabou saindo.




Ficha do jogo

Náutico 1

Vagner; Arnaldo (Marcos Júnior), Joécio, Rafael Vaz e Diego Matos; Lorran, Marco Antônio e Patrick Allan (Guilherme Matos); Kauan (Leandro Barcia) (Danilo Belão), Júlio César (Evandro) e Paulo Sérgio. Técnico: Allan Aal.

Sport 0

Thiago Couto; Lucas Ramon, Alisson Cassiano, Renzo (Luciano Castan) e Riquelme (Felipinho); Fabinho, Fábio Matheus (Romarinho), Ítalo (Lucas André) e Pedro Vilhena; Arthur Caíke (Lucas Lima) e Pablo Dyego. Técnico: Mariano Soso.


Local: Aflitos (Recife/PE)

Árbitro: Paulo Belence

Assistentes: José Romão e Humberto Martins

Público: 10.318

Renda: R$ R$ 214.129,00

Gols: Patrick Allan (NAU)

Cartões Amarelos: Marco Antônio (NAU); Fabinho e Lucas André (SPO)

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
Infográfico preto moderno e tecnológico para relatório de marketing digital_edited.jpg
bottom of page