top of page
  • Foto do escritorEri Santos

Justiça mantém julgamento que pode afastar presidente da CBF




O desembargador Gabriel Zefiro, da 21ª Câmara de Direito Privado do TJRJ, negou um pedido da CBF para adiar o julgamento que pode ejetar Ednaldo Rodrigues do comando da entidade. A sessão do TJRJ continua, portanto, marcada para esta quinta-feira.


Rafael Barroso Fontelles justificou o pedido devido ao fato de ter assumido o caso como advogado da CBF recentemente, próximo da data do julgamento.

Zefiro não acolheu a solicitação: "Prossiga-se em julgamento, considerando que o substabelecimento foi outorgado com reservas e há tempo hábil para a preparação no novo patrono em relação ao julgamento presencial".


A ação foi movida na época do ex-presidente Rogério Caboclo e questiona os critérios da eleição da CBF, o peso dos votos, proporcionalmente maior para as federações, em desacordo com a Lei Pelé. A ação foi movida pelo Ministério Público, em 2018. Se o recurso for aceito e a eleição de Caboclo for considerada ilegal, Ednaldo teria de sair pois cumpre o restante do mandato do antecessor.


Do Blog do Lauro Jardim


Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
Infográfico preto moderno e tecnológico para relatório de marketing digital_edited.jpg
bottom of page