top of page
  • Foto do escritorNE45

Com dois a menos, Sport sofre virada do Avaí na Arena de Pernambuco

Atualizado: 21 de mai.

Sport teve dois atletas expulsos no confronto: o meia Alan Ruiz, no primeiro tempo, e o atacante Zé Roberto, na etapa final



Derrota com roteiro dramático para o Sport. Com dois jogadores a menos, o Rubro-negro foi derrotado de virada por 2 x 1 para o Avaí e perdeu a sua segunda partida consecutiva na Série B do Brasileirão. O duelo disputado neste sábado (18), na Arena de Pernambuco, contou com a expulsão do meia Alan Ruiz – autor do gol da equipe pernambucana – e do atacante Zé Roberto.


Com a segunda derrota consecutiva na competição, o Sport estacionou nos 12 pontos conquistados e está atualmente na 3ª posição da Série B. O Avaí, por sua vez, chegou aos 10 pontos e está na 4ª colocação.



Próxima partida do Sport na Série B

O duelo do Leão pela 7ª rodada da Série B, contra o CRB, foi adiado em decorrência da semifinal da Copa do Nordeste. Por esse motivo, o Rubro-negro só volta a campo pelo torneio na 8ª rodada, contra o Goiás, em partida marcada para a sexta-feira (31), às 21h30, fora de casa.


Sport x Avaí – Resumo da partida

O Sport começou a partida com tudo. Pressionando nos primeiros minutos de jogo, o Leão impôs seu ritmo e, na primeira chegada, teve uma falta na entrada da área assinalada a seu favor. Na cobrança, aos três minutos, o meia Alan Ruiz soltou o pé e colocou o Rubro-negro à frente do placar. A bola desviou levemente na barreira e tirou as chances de defesa do goleiro César.



Após o gol, o Sport diminuiu a intensidade e controlou o jogo sem ceder chances ao Avaí. A posse de bola ficou equilibrada, ainda que em vantagem para a equipe pernambucana. A partida ficou morna, sem chances claras de gol, até os 30 minutos do primeiro tempo.


Por enrosco na área, Tiago Pagnussat e Alan Ruiz foram advertidos com cartões amarelos aos 31 minutos de jogo. Cartão que foi determinante para o desenrolar da partida. Isso porque no lance seguinte, em bola área disputada no setor ofensivo, o argentino subiu demais o braço e atingiu o zagueiro adversário no rosto. O árbitro da partida aplicou o segundo cartão amarelo e expulsou o meia do Leão.


O confronto ficou mais equilibrado depois da expulsão. O Sport adotou uma postura mais reativa, com linhas de marcação mais baixas e apostando nos contra-ataques. O Avaí, por sua vez, tentou se aproveitar da superioridade numérica para ser mais agressivo. Entretanto, as melhores chegadas continuaram sendo da equipe rubro-negra.




Segundo tempo

A primeira oportunidade de gol na segunda etapa foi do Avaí. Aos quatro minutos, o atacante Gabriel Poveda aproveitou bate-rebate na área, driblou o marcador e finalizou, exigindo uma boa defesa do goleiro Caíque França, que saiu da meta e abafou o chute do atacante com o peito.


Após mudanças, o Sport respondeu com uma boa chance aos 12 minutos. Barletta recebeu uma boa bola no setor direito de ataque e cruzou para Romarinho, que matou a bola no peito e finalizou de bicicleta no centro do gol. O goleiro, no entanto, segurou a finalização.


Aos 19 minutos, outra expulsão no time do Sport. Dessa vez, Zé Roberto recebeu cartão vermelho direto. O atacante mostrou as travas da chuteira e atingiu a canela do adversário com as travas da chuteira. Detalhe: o atleta havia recebido cartão amarelo minutos antes, que não influenciou na expulsão.


A resposta do Avaí foi imediata. O time catarinense fez alterações e foi para cima em busca do gol de empate. Com dois jogadores a mais em campo, ficou com a maior posse de bola, rondou a área rubro-negra, mas não criou chances perigosas.


O Avaí teve a sua melhor chance da partida aos 43 minutos, com Gabriel Poveda. O atacante recebeu bola na grande área, levou para a perna esquerda e chutou cruzado. A bola, contudo, bateu no pé da trave direita e saiu para a linha de fundo.


Já nos acréscimos, a pressão da equipe visitante deu resultado. O atacante Maurício Garcez aproveitou o cruzamento na área e cabeceou no canto direito da meta defendida por Caíque França, que saltou mas não alcançou a bola. Empate da equipe catarinense.


E a virada veio! Quase no apagar das luzes, aos 51 minutos, o Avaí virou o jogo com um chutaço de fora da área de Jean Lucas. Um verdadeiro banho de água fria na equipe do Sport. Apesar do resultado, parte da torcida rubro-negra apoiou a entrega do time no fim do confronto.




Ficha do jogo


Sport 1

Caíque França; Pedro Lima, Rafael Thyere, Luciano Castán e Felipinho; Felipe (Fábio Matheus), Fabricio Domínguez (Fabinho) e Alan Ruiz; Lucas Lima (Barletta), Romarinho (Titi Ortiz) e Gustavo Coutinho (Zé Roberto). Técnico: Mariano Soso.


Avaí 2

César; Marcos Vinícius, Tiago Pagnussat (Roberto), Gustavo Vilar e Mário Sérgio; Ronaldo Henrique (Pedrinho), Willian Maranhão (João Paulo), Pedro Castro e Giovanni (Jean Lucas); Maurício Garcez e Gabriel Poveda. Técnico: Gilmar Dal Pozzo.


Local: Arena de Pernambuco, em São Lourenço da Mata (PE)


Árbitro: Alex Gomes Stefano (RJ)


Assistentes: Luiz Cláudio Regazone (RJ) e Daniel de Oliveira Alves Pereira (RJ)


VAR: Philip Georg Bennett (RJ)


Gols: Alan Ruiz (3’/1ºT) (SPT) e Maurício Garcez (46’/2ºT)


Cartões Amarelos: Alan Ruiz e Zé Roberto (SPT); Tiago Pagnussat, Ronaldo Henrique e Maurício Garcez (AVA)


Cartões Vermelhos: Alan Ruiz e Zé Roberto (SPT)


Público: 13.447


Renda: R$ 212.630,00

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
Infográfico preto moderno e tecnológico para relatório de marketing digital_edited.jpg
bottom of page